Blog do Juares | Trios de arbitragem envolvidos em lances polêmicos no fim de semana são "rebaixados"

Camaquã-RS
19:52
15/12/2018

Blog do Juares | Trios de arbitragem envolvidos em lances polêmicos no fim de semana são "rebaixados"

Redes Sociais

Facebook Twitter RSS Contato
RELEMBRE OS BONS MOMENTOS
Anunciantes Blog do Juares

Notícias - Esportes

Trios de arbitragem envolvidos em lances polêmicos no fim de semana são "rebaixados"

Comissão de arbitragem da CBF determinou período de reavaliação na Série B
01/10/2018 | 16h42 - Fonte: Correio do Povo / Foto: Roberto Vinícius / Estadão Conteúdo
Compartilhe:

A comissão de arbitragem da Confederação Brasileira de Futebol decidiu “rebaixar” os trios que estiveram envolvidos em lances polêmicos na 27ª rodada do Campeonato Brasileiro. Entre eles, Sávio Pereira Sampaio, Daniel Henrique da Silva Andrade e Ciro Chaban Junqueira que foram os responsáveis pela da partida entre Inter e Vitória. Eles tiveram participação direta no gol anulado de Nico López, alegando impedimento de Camilo, apesar de o meia ter condições, e por um pênalti contra o Vitória marcado fora da área. Além do trio do Distrito Federal, foram punidos com um “período de avaliação” na Série B os responsáveis pelas arbitragens dos jogos Palmeiras x Cruzeiro e Santos x Atlético-PR.

“Não gosto da palavra punição. Existe um trabalho de melhoria com os árbitros e com os assistentes. Então existem outras competições para que eles atuem novamente, para que possamos reavaliá-los se podem retornar para a Série A, que é a competição mais importante e de uma exposição muito grande”, afirmou em entrevista ao Sportv o presidente da comissão, Coronel Marinho.

No jogo do líder do Brasileirão, o Palmeiras, a arbitragem ficou sob o comando dos paranaenses Dewson Fernando Freitas da Silva, que defende o escudo da Fifa, e os assistentes Hélcio Araújo Neves e Heronildo Freitas da Silva. O principal erro ocorreu aos 29 minutos do 1º tempo. A bola bateu na mão de Gustavo Gómez, após chute de Raniel, do Cruzeiro. O zagueiro palmeirense estava fora da área, mas o árbitro paraense marcou a penalidade. Mancuello fez o gol para os mineiros.

Já os potiguares Caio Max Augusto Vieira, Jean Marcio dos Santos e Vinicius Melo de Lima terão que passar por reciclagem por um erro no final da partida entre Santos e Atlético-PR. Caio Max marcou pênalti em Dodô, que teria sido derrubado por Rony dentro da pequena área, aos 48 minutos do segundo tempo. O lance gerou muita reclamação de jogadores e dirigentes do Furacão.

Os três trios passarão por avaliações periódicas da comissão de arbitragem e não têm prazo para voltarem a atuar na principal divisão do país. Outros já passaram pela mesma estratégia de reciclar árbitros promovidos pela CBF.

Compartilhe:

comentários