Blog do Juares | Camaquã no Outubro Rosa 2018

Camaquã-RS
08:55
18/11/2018

Blog do Juares | Camaquã no Outubro Rosa 2018

Redes Sociais

Facebook Twitter RSS Contato
RELEMBRE OS BONS MOMENTOS
Anunciantes Blog do Juares

Notícias - Geral

Camaquã no Outubro Rosa 2018

23/10/2018 | 10h38 - Fonte: Ascom PM Camaquã / Imagem: Divulgação
Compartilhe:

O movimento Outubro Rosa nasceu na década de 1990 para estimular a participação da população no controle do Câncer de mama. A data é celebrada anualmente, com o objetivo de compartilhar informações sobre o Câncer de mama, promover a conscientização sobre a doença, proporcionar maior acesso aos serviços de diagnóstico e de tratamento e contribuir para a redução da mortalidade.

O câncer de mama é uma doença causada pela multiplicação de células anormais da mama, que formam um tumor. Há vários tipos de câncer de mama. Alguns tipos têm desenvolvimento rápido enquanto outros são mais lentos.

Para o Brasil, estimam-se 59.700 casos novos de câncer de mama, para cada ano do biênio 2018-2019, com um risco estimado de 56,33 casos a cada 100 mil mulheres. Sem considerar os tumores de pele não melanoma, esse tipo de câncer também é o primeiro mais frequente nas mulheres das Regiões Sul (73,07/100 mil), Sudeste (69,50/100 mil), Centro-Oeste (51,96/100 mil) e Nordeste (40,36/100 mil). Na Região Norte, é o segundo tumor mais incidente (19,21/100 mil).

Existe tratamento para câncer de mama, e o Ministério da Saúde oferece atendimento por meio do Sistema Único de Saúde, o SUS.

A Secretaria Municipal de Saúde convida para a Campanha Outubro Rosa, no próximo sábado (27), das 13h às 17h, em frente à Secretaria de Saúde (rua Bernardo Vieira Dias, 485, Bairro Olaria), serão oferecidos diversas atividades como verificação de pressão, marcação de pré-câncer, solicitação de mamografias, marcação de teste rápido, orientações, atividade física, apresentação de dança, pesagem Bolsa Família, distribuição de informativos, entre outras atividades. Maiores informações pelo fone 3692-2420.

Compartilhe:

comentários