Colunistas

Nilton Moreira - Estrada Iluminada

Nilton Moreira - Estrada Iluminada

Nilton Moreira é inspetor de polícia do RS e mantém coluna com o título Estrada Iluminada em Jornais, Portais e Blogs.

Trem em 2027

07/06/2024 - 09h25min

Leonardo da Vince no século XIV disse: “tudo que está no plano da realidade já foi sonho um dia”. Já no livro Nosso Lar que foi escrito em 1940, psicografado por Chico Xavier, tem momento que é mencionado transporte utilizado no plano espiritual, denominado de aeróbus, que é um grande carro suspenso do solo a uma altura de cinco metros, que desce à maneira de um elevador terrestre. Não é máquina conhecida na Terra, conforme comentado no livro, e é constituída de material muito flexível, parecendo ligada a fios invisíveis, em virtude do grande número de antenas na tolda.

Interessante é que tal transporte já usado na espiritualidade está sendo similarmente desenvolvido aqui na Terra, pois a companhia ferroviária do Japão, Central Japan Railway divulgou há alguns anos, projeto para construir um trem de levitação magnética capaz de chegar a 600 km/h, e que planeja colocar em operação no ano 2027.

A Central pretende inaugurar sua primeira linha comercial entre as cidades de Tóquio e Nagoya, um trecho de 286 quilômetros, e que o novo trem levará 40 minutos em vez das quase duas horas que o serviço de alta velocidade “shinkansen” (trem bala) leva para percorrer o mesmo trajeto.

Os trens Maglev funcionam através de um sistema de levitação magnética. Com o campo magnético gerado, o trem é elevado em até 10 centímetros sobre os trilhos, eliminando o contato com o mesmo e tendo apenas o ar como elemento de atrito, o que permite que o trem ganhe mais velocidade.

Concluímos que o pensamento de Leonardo da Vince é pertinente! Na realidade nosso plano aqui, dos ditos “vivos”, utiliza os conhecimentos do espiritual, ou seja somos inspirados de quando em vez a novas tecnologias. A vida espiritual é a verdadeira, já que aqui é apenas uma rápida passagem para nós, e muitos espíritos evoluídos aportam aqui apenas com missão de divulgarem conhecimentos e melhorias em benefício da humanidade, isso nas mais diversas áreas.   

MAIS COLUNAS