Polícia

"Está bem definida a autoria", diz delegado sobre suspeito de matar os pais a facadas em Porto Alegre

No dia do crime, policiais o encontraram transtornado dentro da casa
21/06/2019 - 16h07min Corrigir

O homem suspeito de matar os pais na madrugada de quinta-feira (20), na Zona Sul de Porto Alegre, está no Instituto Psiquiátrico Forense (IPF), após determinação judicial. Conforme a decisão, ele não teria condições de ficar junto a outros presos na cadeia. Para o delegado responsável pelo caso, não há dúvidas de que ele é o autor do crime.

Alaberto Diego Carcamo Ulloa, 69 anos, e Maria Orildes dos Santos, de 62 anos, foram encontrados mortos dentro de casa, em cômodos diferentes. O filho estava deitado no chão da sala, transtornado, quando policiais militares conseguiram entrar no local.

"Está bem definida a autoria, a materialidade (...) o cenário de indiciamento não irá mudar", afirma o delegado Newton Martins.

O homem responderá por homicídio qualificado, por motivo fútil, acrescenta o delegado. "Testemunhas falaram que ouviram barulho de briga, que ele dizia aos pais: 'Vocês que não me deram assistência.'"

O filho é usuário de drogas, conforme a polícia. Conforme relatos de moradores, o casal estava separado, mas a mulher visitava frequentemente o ex-marido e o filho.

Ele não falou aos policiais sobre o que aconteceu no apartamento, nem depois de receber atendimento no hospital. O delegado diz que pode tentar ouvir o homem em algum momento, dependendo de um parecer do IPF sobre a situação em que ele se encontra.

Não há tempo definido para a internação.

MAIS NOTÍCIAS

SUPER SÃO JOSÉ
PEGLOW
JOMAR GÁS
FUNERÁRIA CAMAQUENSE
FUNERÁRIA JARDIM
ADRIANO CONRADO
Studio Master
FUNERÁRIA BOM PASTOR
Vencato Casas
SERVI
SPEED CAR
RÁDIO SÃO JOSÉ
ELETRO CLIC
MIX BEBIDAS
ECONÔMICA MÓVEIS E ELETRO
ROGÉRIO CALÇADOS
Tocando agora: Relembre bons momentos
Diminuir/Aumentar Fonte: Fonte: A - A +