Geral

Escola camaquense é selecionada para etapa Sul Brasileira do projeto Verde é Vida da Afubra

Encontro em Camaquã, na última quinta-feira (12), reuniu professores e alunos para escolha do trabalho
14/09/2019 - 19h52min Atualizada em 14/09/2019 - 20h44min Corrigir

Na última quinta-feira (12), ocorreu em Camaquã a segunda fase da 11ª Mostra Científica Verde é Vida. O evento começou pela manhã, e foi realizado no auditório Zilda Maria Azambuja da Secretaria Municipal da Educação. Além de autoridades, o gerente regional da Afubra, Marcelo Adriano Silva, e o coordenador do Projeto Verde é vida, Claudiano Bender Schmechel, também estiveram presentes.

MAIS FOTOS AQUI

O encontro teve como objetivo indicar a pesquisa campeã de 2019, que representará a região na Expoagro Afubra 2020. Ao longo do dia, as atividades tiveram a participação de professores e alunos dos municípios de Camaquã, Chuvisca, Dom Feliciano e Cristal, e além de completar a segunda fase regional da Mostra Científica, culminou com o encerramento das atividades do projeto nas escolas em 2019.

O encontro reuniu os oito trabalhos que foram selecionados na primeira fase da etapa regional, para escolher um trabalho a fim de representar Camaquã e região na etapa Sul Brasileira na Expoagro Afubra 2020, que acontecerá entre os dias 18 e 21 de março, no Rincão del Rey, no município de Rio Pardo.

A banca de avaliadores foi composta pelos tutores da Uniasselvi, Crisante Araújo de Quadros Júnior e Simone Melissa, pela diretora do Senac, Denise Helena Melendez Sefrin, pelos professores Gustavo Pícoli e Mariana Radtke Rosa, e pelo orientador agrícola JTI Santa Cruz do Sul, Luís Ricardo Spall Gassen.

“O trabalho da pesquisa científica é um estímulo para os alunos desenvolverem e construírem o seu conhecimento. A proposta que o projeto Verde é Vida traz é que todo o trabalho desenvolvido pelos alunos é que ele seja de interesse da comunidade do aluno, da família do aluno e da escola, e isso nós estamos percebendo nesses 11 anos de pesquisa científica desenvolvida pelos alunos das escolas parceiras do Verde é Vida. Nós percebemos que avançamos muito, que conseguimos muitos resultados, e é claro, entendemos também que muito ainda tem que ser feito, mas a pesquisa científica hoje ela está consolidada dentro das escolas parceiras do projeto e esse trabalho está sendo desenvolvido com muita tranquilidade por todos os alunos”, disse o coordenador pedagógico do projeto Verde é Vida, professor José Leon, em entrevista ao portal de notícias Blog do Juares.

Foi escolhido para representar Camaquã e região com o projeto Verde é Vida, da Afubra, na etapa Sul Brasileira o trabalho da Escola Municipal de Ensino Fundamental Alfredo Jacobsen, de Camaquã, com o título “A importância da juventude no meio rural”. A professora orientadora da pesquisa é Cleni dos Santos Ribeiro e as alunas são Rafaela Bachaus Centeno e Maria Luiza Martins Dettmann.

BLOG TV: entrevista com o coordenador pedagógico do projeto Verde é Vida, professor José Leon

MAIS NOTÍCIAS

ROGÉRIO CALÇADOS
Petroman
Lucas Imobiliária
TAXISTAS APP
FUNERÁRIA BOM PASTOR
PEGLOW
JOMAR GÁS
ECONÔMICA MÓVEIS E ELETRO
SPEED CAR
SERVI
OBA OBA
FORMATTA RH
FUNERÁRIA JARDIM
ADRIANO CONRADO
FUNERÁRIA CAMAQUENSE
RÁDIO SÃO JOSÉ
Tocando agora: Relembre bons momentos
Diminuir/Aumentar Fonte: Fonte: A - A +