Política

Servidores com dependentes deficientes poderão ter carga horária reduzida em São Lourenço do Sul

Proposta tramita na Câmara de Vereadores
22/10/2019 - 15h43min Mayara Farias / Blog do Juares Corrigir

Tramita na Câmara de Vereadores de São Lourenço do Sul o Projeto de Lei Ordinária 87/2019 que trata da redução da jornada de trabalho do servidor público que tenha como dependente pessoa com deficiência.  A proposta é da vereadora Carmem Rosane Morais Roveré (PSB).

O projeto prevê que o servidor que tenha cônjuge, filho ou dependente com deficiência, é assegurado a redução da jornada de trabalho por período de até 30% de sua carga horária normal cotidiana, sem prejuízo da remuneração e independentemente de compensação de horário.

Segundo documento, são consideradas pessoas com deficiências aquelas que sofrem debilidade ou incapacidade física, mental ou sensorial e em situação que exija o atendimento direto do servidor. A autora do projeto destaca ainda que a administração municipal poderá requisitar, a qualquer momento, esclarecimentos e documentos.

De acordo com a vereadora, o Projeto de Lei não trata apenas em dizer que se oferece benefício, mas sim condições mínimas para que os pais possam dar aos filhos e outras pessoas sob sua responsabilidade, o mínimo de condições de efetuar um tratamento que se torne eficaz, pois são necessárias sessões de fisioterapias, fonoaudiologia e outros tratamentos indispensáveis à melhoria da qualidade.

“Inúmeros estudos demonstram que o tratamento médico, psicológico e fisioterápico da pessoa com necessidades especiais tem resultados bem melhores se forem acompanhados de perto por seus familiares”, avalia a vereadora, destacando que muitos pais não possuem recursos financeiros para a contratação de profissionais ou tratamentos diferenciados, mas com a redução de carga horária podem dar mais atenção aos filhos com necessidades especiais e o setor público não sofrerá prejuízo, pois são poucos os servidores que necessitam desta redução.

A proposta será votada pelos vereadores, se aprovada, será encaminhada para sanção ou veto do prefeito.

MAIS NOTÍCIAS

JENIFER
FUNERÁRIA JARDIM
ART MÓVEIS
FUNERÁRIA CAMAQUENSE
ALEXANDRE AR CONDICIONADO
ADRIANO CONRADO
SPEED CAR
ROGÉRIO CALÇADOS
OLIDATA
TRIUNFO PESQUISAS
FUNERÁRIA BOM PASTOR
PEGLOW
Petroman
ECONÔMICA MÓVEIS E ELETRO
RÁDIO SÃO JOSÉ
SUPER SÃO JOSÉ
Tocando agora: Relembre bons momentos
Diminuir/Aumentar Fonte: Fonte: A - A +