Política

Projeto prevê a venda de terreno da prefeitura por R$ 120 mil à fábrica de móveis

Área de 31.307,19m² fica no Distrito Industrial. Venda do terreno ainda será votada pelos vereadores
05/12/2019 - 12h33min Mayara Farias / Blog do Juares Corrigir

Tramita na Câmara de Vereadores de Camaquã o Projeto de Lei 85/2019 de autoria da prefeitura, solicitando autorização para venda de área pública no Distrito Industrial, em Camaquã. O projeto prevê a comercialização de terreno de 31.307.19m² às margens da Avenida Ayrton Senna, no valor de R$ 120 mil à empresa de móveis em madeira Happy Indústria de Móveis Eireli. O valor será pago em cinco parcelas.

Veja também: Projeto de Lei autoriza prefeitura a conceder incentivos a serralheria em Camaquã

Segundo a prefeitura, a venda do imóvel representa interesse público contribuindo no crescimento econômico do município, movimentando de forma direta o comércio de móveis.

A empresa conta com faturamento anual previsto na nova unidade de R$ 6.080.000,00, proveniente da venda dos móveis produzidos pela indústria, o qual segundo os responsáveis, poderá ser elevado. No local será construído um pavilhão de 1000m².

Conforme dados apresentados pela empresa, a estimativa é gerar dez empregos diretos na área de produção e 25 empregos nos setores administrativos, além dos empregos gerados em serviços terceirizados como limpeza, alimentação, manutenção industrial, construção civil, segurança patrimonial, contabilidade, serviços de informática, transporte de funcionários, vendas e transporte logístico.

O Projeto de Lei está sendo analisado pela Comissão de Constituição e Justiça. Após analise, deverá ser votado pelos vereadores em sessão plenária.

MAIS NOTÍCIAS

FUNERÁRIA JARDIM
Petroman
SUPER SÃO JOSÉ
ADRIANO CONRADO
ALEXANDRE AR CONDICIONADO
ROGÉRIO CALÇADOS
SPEED CAR
ART MÓVEIS
JOMAR GÁS
OLIDATA
GRÁFICA.COM
PEGLOW
ELETRO CLIC
JENIFER
FUNERÁRIA BOM PASTOR
FUNERÁRIA CAMAQUENSE
Tocando agora: Relembre bons momentos
Diminuir/Aumentar Fonte: Fonte: A - A +