Saúde

Hospital Moinhos de Vento recebe inscrições para curso de formação em cirurgia robótica

A primeira turma inicia a formação nos dias 6 e 7 de março
14/02/2020 - 11h37min Corrigir

Estar preparado para a Medicina do futuro é um desafio cada vez maior para os profissionais. Inteligência artificial, mapeamento e terapias genéticas, procedimentos menos invasivos e mais resolutivos são realidade e demandam capacitação imediata dos médicos. Cirurgia robótica com médicos e pacientes separados por quilômetros de distância e tele mentoria para cirurgiões em curva de aprendizado começam a aparecer no horizonte.

No Hospital Moinhos de Vento, em Porto Alegre, onde a robótica vem sendo utilizada em uma grande variedade procedimentos urológicos, tanto para tratamento do câncer como para doenças benignas, os números são animadores. O mais frequentemente realizado é a cirurgia para câncer de próstata. Em 93% dos casos, o câncer foi extraído completamente. Nas 24 horas após a retirada da sonda vesical, 70% dos pacientes retomaram o controle urinário e 94% deles voltaram a ter continência em 3 meses. A taxa de recuperação das ereções neste período chegou a 82%.

Com mais de 3 mil casos operados, esses índices colocam a equipe médica da instituição entre as que possuem os melhores resultados da América Latina. Agora, essa expertise será compartilhada. O Núcleo de Medicina Robótica do Hospital Moinhos de Vento está trazendo professores renomados nacional e internacionalmente para, junto com esse time, formar mais cirurgiões e urologistas especializados na técnica. O Curso de Cirurgia Robótica Urológica está com as inscrições abertas.

Curso diferenciado no Sul do Brasil

A primeira turma inicia a formação nos dias 6 e 7 de março. As aulas acontecerão sempre na primeira sexta-feira e sábado do mês, até agosto, com exceção de maio, que será no segundo fim de semana, devido ao feriado do Dia do Trabalho. Dividido em módulos mensais, o curso abordará em detalhes os aspectos técnicos dos procedimentos robóticos urológicos básicos e avançados. A carga horária é de 120 horas, com 20 horas de simulação em horário pré-determinado e dedicado para cada aluno.

O coordenador do Núcleo de Medicina Robótica do Moinhos de Vento, André Berger, ressalta que o curso preenche uma lacuna importante na formação de cirurgiões robóticos no Brasil. “Com esta capacitação, esses colegas terão contato com o time que tem uma das maiores experiências do mundo em educação e disseminação de conhecimento nessa área. E terão a oportunidade de se familiarizarem com a tecnologia”, explica o urologista.

Berger acrescenta que, com o curso, os médicos estarão qualificados para entender os aspectos básicos da cirurgia robótica e laparoscópica, as indicações da técnica para rim, próstata, bexiga e ureter, e sobre como prevenir e tratar complicações nesse tipo de procedimento. Os profissionais terão ainda a opção de fazer uma imersão internacional na tecnologia. Esse módulo será realizado na University of Southern California (USC), em Los Angeles, instituição referência mundial em cirurgia robótica.

Ao final da formação, os alunos terão a possibilidade de iniciar seu processo de certificação, estando elegíveis para entrar no programa de proctorado de cirurgia robótica do Hospital Moinhos de Vento. A instituição é um dos cinco hospitais referência para o Ministério da Saúde, o único fora de São Paulo.

Para informações sobre o conteúdo, programação, corpo docente e inscrições, clique aqui.

 

Robótica 1: Alunos vão poder praticar individualmente por 20 horas nos simuladores de cirurgia robótica 

Robótica 2: Técnica é menos invasiva, reduz tempo de internação e possui altas taxas de recuperação 

MAIS NOTÍCIAS

SPEED CAR
ECONÔMICA MÓVEIS E ELETRO
ROGÉRIO CALÇADOS
SUPER SÃO JOSÉ
ADRIANO CONRADO
FUNERÁRIA BOM PASTOR
OLIDATA
RÁDIO SÃO JOSÉ
JOMAR GÁS
JENIFER
GRÁFICA.COM
FUNERÁRIA CAMAQUENSE
Petroman
ELETRO CLIC
FUNERÁRIA JARDIM
ART MÓVEIS
Tocando agora: Relembre bons momentos
Diminuir/Aumentar Fonte: Fonte: A - A +