Polícia

Incêndio criminoso destruiu casa no interior de Sertão Santana

Proprietário identificou objetos pessoais em um veículo e um suspeito foi preso
14/02/2020 - 15h05min ClicR Corrigir

Na noite do domingo, 02 de fevereiro, o morador de Sertão Santana, José Ernesto Papke foi avisado por telefone pelos vizinhos de sua chácara, na localidade de Linha Dr. Flores, interior do município, de que havia um cheiro muito forte de queimado e muita fumaça emergindo de sua propriedade.

Após o aviso José voltou à chácara onde havia estado durante todo o dia, tendo saído do local já por volta das 19h30min e ao chegar novamente na propriedade se deparou com a cena triste da casa em chamas.

O proprietário do imóvel se dirigiu até a Brigada Militar para fazer registro da ocorrência, quando um policial militar o acompanhou de volta ao local do incêndio para verificar o ocorrido. Ainda no caminho eles perceberam que um veículo, Volkswagen Voyage estava batido em um barranco, como se o condutor tivesse perdido o controle do volante.

Já no local do sinistro ambos puderam perceber que em uma das portas que restaram queimadas havia sinais de arrombamento, dando forte indícios que o incêndio poderia ser criminoso.

No caminho de volta à cidade o policial decidiu abordar o condutor do Voyage batido, na intenção de identificá-lo e saber o motivo do acidente, momento em que José identificou dentro do carro seus objetos pessoais que estavam na casa que foi queimada. Diante dos fatos o policial deu voz de prisão ao condutor do veículo. Na sequência em consulta ao sistema da polícia foi constatado que o preso havia deixado o sistema prisional havia uma semana apenas.

A polícia acredita ainda que tenha havido a participação de um segundo indivíduo no crime, mas que ainda não foi identificado.

Embora José não residisse definitivamente na chácara era no local que ele passava boa parte do tempo, todos os dias, e também onde reunia a família aos finais de semana. A casa estava toda mobiliada e o que restou do furto foi destruído pelas chamas. O morador estima que tenha tido um prejuízo entorno de R$ 50 mil e está inconformado com o ocorrido.

“Porque não roubaram as coisas e foram embora? Pra que botar fogo na casa?”, questionou tristemente.

MAIS NOTÍCIAS

FUNERÁRIA BOM PASTOR
JOMAR GÁS
RÁDIO SÃO JOSÉ
ART MÓVEIS
PEGLOW
Petroman
GRÁFICA.COM
ECONÔMICA MÓVEIS E ELETRO
SUPER SÃO JOSÉ
ROGÉRIO CALÇADOS
ELETRO CLIC
FUNERÁRIA JARDIM
FUNERÁRIA CAMAQUENSE
JENIFER
SPEED CAR
OLIDATA
Tocando agora: Relembre bons momentos
Diminuir/Aumentar Fonte: Fonte: A - A +