Cultura

Livreiro mais antigo do RS morre após cair de telhado da casa

Rui Gonçalves era dono da Livraria Palmarinca em Porto Alegre
17/02/2020 - 10h15min Jornal do Comércio Corrigir

O universo dos livreiros gaúchos perdeu um dos seus ícones. O dono da Livraria Palmarinca, Rui Gonçalves, morreu na noite desse domingo (16), após sofrer um acidente em casa. Gonçalves teria caído do telhado do sobrado onde fica a livraria, na rua Jerônimo Coelho, no Centro Histórico de Porto Alegre.

O Samu chegou a ser chamado para atendimento, mas ele não teria resistido.

Em reportagem do Jornal do Comércio em 2014, o livreiro contou que se orgulhava da trajetória da livraria e mantinha na parede um recorte de jornal com a frase: "Nove entre dez intelectuais da cidade frequentam a Livraria Palmarinca". Nos últimos anos, ele preparava o filho Alexandre Gonçalves para assumir o negócio no número 281.

Em 2018, a história da Palmarinca, que tem quase 50 anos de operação, e da trajetória do seu fundador, foi contada em Livros, sentimentos, capitalismo e resistência, pelo pesquisador e professor da Unipampa Cesar Beras. O autor definiu a "pequena" livraria como de "esquerda e humanista" sob liderança de Rui Gonçalves.

"Ao longo do tempo, a Livraria Palmarinca tem se destacado por ser um espaço plural e agregador no campo das ideias, sendo ponto de encontro de intelectuais e local de compartilhamento da leitura", definiu o pesquisador.

MAIS NOTÍCIAS

FUNERÁRIA BOM PASTOR
SKY INFOPARTNERS
SUPER SÃO JOSÉ
RÁDIO SÃO JOSÉ
ART MÓVEIS
ROGÉRIO CALÇADOS
Petroman
ELETRO CLIC
ADRIANO CONRADO
LAVAGEM FERNANDES
OLIDATA
FUNERÁRIA CAMAQUENSE
GRUPO WHATSAPP
FUNERÁRIA CONCÓRDIA
Tocando agora: Relembre bons momentos
Diminuir/Aumentar Fonte: Fonte: A - A +