Geral

Moradora de Camaquã necessita de doação de sangue de todos os tipos

Débora Nunes Soares, de 34 anos, está internada no Hospital de Clínicas de Porto Alegre tratando um câncer no cérebro e precisa, também, de doadores de plaquetas
18/02/2020 - 22h39min Corrigir

Mais uma vez o portal de notícias Blog do Juares (BJ) resolve ajudar em uma causa nobre. Através de nossas redes sociais, recebemos o pedido de doação de sangue e/ou plaquetas para Débora Nunes Soares.

A mulher, de 34 anos, é natural de Chuvisca, mas mora com a família em Camaquã. Ela está internada no Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA) enfrentando um câncer no cérebro e necessita de sangue de todos os tipos. Quem puder doar, pode se dirigir até o Serviço de Hemoterapia do HCPA, que fica na Rua São Manoel, 543 - 2º andar, em Porto Alegre. O centro atende de segunda a sexta-feira, das 8h às 15h, e sábado, das 8h às 12h. Mas caso alguém seja doador de plaquetas, a doação será ainda mais bem vinda no tratamento de Débora. 

As plaquetas são células que ajudam no controle de sangramentos e parte delas podem ser doadas sem causar prejuízo algum à saúde do doador. O organismo é capaz de repor rapidamente as plaquetas que forem doadas. 

São elementos do sangue que atuam na coagulação, tendo papel fundamental no tratamento dos pacientes com câncer como Débora. Muitos deles apresentam deficiência de plaquetas, causada por transplante de medula, pela ação da quimioterapia ou por terem sofrido alguma intervenção cirúrgica. É um processo inteiramente seguro.

Os pré-requisitos para ser um doador são:

- ter de 16 a 69 anos; 

- primeira doação antes dos 60 anos; 

- pesar 50kg ou mais; 

- ser saudável; 

- não estar em jejum; 

- apresentar documento de identidade com foto; 

- menores de 18 anos devem estar acompanhados de um responsável legal.

Não podem doar:

- Quem estiver gripado ou com febre;

- Mulheres grávidas ou até um ano após o parto.

- Quem ingeriu bebida alcoólica no dia ou até 12 horas antes da doação;

- Piercing na cavidade oral (boca e língua) e/ou na região genital;

- Pessoas que tiveram hepatite após 11 anos de idade, doença de chagas e malária;

- Pessoas que adotaram comportamento de risco para doenças sexualmente transmissíveis e usuários de drogas.

Cuidados após a doação:

- Tomar bastante líquido no dia da doação;

- Evitar bebidas alcoólicas no dia da doação;

- Não fumar por 2 horas após a doação;

- Evitar esforço físico ou praticar esportes no dia da doação.

MAIS NOTÍCIAS

BRICK DO TOMAZ
GRÁFICA.COM
ROGÉRIO CALÇADOS
Petroman
SUPER SÃO JOSÉ
FUNERÁRIA CONCÓRDIA
ART MÓVEIS
FUNERÁRIA CAMAQUENSE
FUNERÁRIA BOM PASTOR
ADRIANO CONRADO
OLIDATA
GRUPO WHATSAPP
RÁDIO SÃO JOSÉ
ELETRO CLIC
Tocando agora: Relembre bons momentos
Diminuir/Aumentar Fonte: Fonte: A - A +