Polícia

Mulher é morta a facadas dentro de casa em Cruz Alta; genro é suspeito, diz polícia

Autoridades investigam o caso como feminicídio, já que havia laço familiar entre a vítima e o suspeito. Segundo delegada, homem estava em prisão domiciliar após cumprir pena por homicídio
02/04/2020 - 10h58min Corrigir

Uma mulher de 41 anos foi encontrada morta, na noite de quarta-feira (1º), em Cruz Alta, no Noroeste do estado. Segundo a Polícia Civil, ela foi atingida por golpes de faca dentro de casa.

Conforme as autoridades, o principal suspeito do crime é o genro da mulher, um jovem de 22 anos, que cumpria prisão domiciliar desde o dia 19 de março. Ele ainda não foi encontrado. De acordo com a delegada Caroline Bamberg Machado, o homem havia sido condenado por homicídio e tinha antecedentes por ameaça.

“O fato será comunicado à juíza para cancelar o benefício. Só aí ele pode ser incluído como foragido. Se for confirmada a possibilidade de feminicídio, vou solicitar a prisão preventiva”, afirma Caroline.

A polícia deve ouvir as testemunhas nesta sexta-feira (3). Conforme a delegada, os agentes do Samu confirmaram a morte no local do crime. A perícia constatou lesões nos braços, nas costas e no pescoço, mas o laudo ainda não foi concluído.

MAIS NOTÍCIAS

ELETRO CLIC
ART MÓVEIS
GRUPO WHATSAPP
Petroman
OLIDATA
SUPER SÃO JOSÉ
LAVAGEM FERNANDES
GRÁFICA.COM
FUNERÁRIA CAMAQUENSE
ADRIANO CONRADO
RÁDIO SÃO JOSÉ
FUNERÁRIA BOM PASTOR
ROGÉRIO CALÇADOS
BRICK DO TOMAZ
FUNERÁRIA CONCÓRDIA
Tocando agora: Relembre bons momentos
Diminuir/Aumentar Fonte: Fonte: A - A +