Geral

Mais de 4,2 mil pessoas ficam fora de casa após passagem de ciclone extratropical no RS

No final de semana, a chuva retorna e, conforme a MetSul Meteorologia, isso gera um novo alerta para enchentes no Estado
10/07/2020 - 10h05min Corrigir

Subiu para 4.289 o número de pessoas que estão fora de suas casas por conta da passagem de um ciclone extratropical no Rio Grande do Sul entre a terça (7) e a quarta-feira (8). De acordo com o último boletim da Defesa Civil do Estado, emitido no final da tarde dessa quinta-feira (9), são 3.096 desalojados e 1.192 desabrigados em 25 municípios gaúchos.

Ao menos sete estradas ainda seguem bloqueadas por problemas de água na pista, queda de barreira ou rachadura no asfalto. Dois homens morreram em decorrência da chuva. A primeira vítima, de 34 anos, foi encontrada morta na noite da terça, logo após um deslizamento de terra sobre uma casa, em Caxias do Sul, na Serra. Já a segunda, um homem, de 74 anos, estava sumido também desde a noite da terça, quando tentava chegar a uma propriedade em Linha Santo Antônio, no interior do município de Colinas, no Vale do Taquari, quando desapareceu na enchente que atingiu a ERS-129. O corpo foi encontrado pelo Corpo de Bombeiros na tarde de ontem, a cerca de 150 metros da margem da rodovia.

Várias bacias hidrográficas estão em níveis alarmantes, especialmente a dos rios Gravataí e Sinos, as quais devem seguir em elevação em função do tempo de concentração, ou seja, tempo de deslocamento da onda de cheia destas bacias, além dos rios Jacuí e Guaíba. Já o rio Taquari enfrenta a pior enchente em 64 anos, conforme informou a Defesa Civil. Em Arroio do Meio, a água invadiu um abrigo e deixou 30 pessoas desalojadas.

O município de Santa Tereza, na Serra, foi uma dos mais atingidos pela cheia. Há registros oficiais de pelo menos 90 pessoas que ficaram fora de casa. A condição de alerta de inundação segue indicada para as bacias e sub-bacias da metade norte do estado, com destaque para Ijuí, Pardo, Taquari-Antas, Caí, Sinos, Gravataí, Baixo Jacuí e Guaíba e para o rio Uruguai, sobretudo no médio e baixo Uruguai.

No final de semana, a chuva retorna e, conforme a MetSul Meteorologia, isso gera um novo alerta para enchentes não só para municípios do interior, como também para a região Metropolitana.

Com informações G1 RS e jornal Correio do Povo

MAIS NOTÍCIAS

FUNERÁRIA CAMAQUENSE
OLIDATA
ELETRO CLIC
ROGÉRIO CALÇADOS
RÁDIO SÃO JOSÉ
LAVAGEM FERNANDES
MIX BEBIDAS
FUNERÁRIA BOM PASTOR
SUPER SÃO JOSÉ
ADRIANO CONRADO
ART MÓVEIS
Tocando agora: Relembre bons momentos
Diminuir/Aumentar Fonte: Fonte: A - A +