Mundo

Lisa Montgomery será a primeira mulher executada em 67 anos nos EUA

De acordo com o Departamento de Justiça, ela matou uma grávida e tirou o bebê de dentro do seu corpo
19/10/2020 - 14h10min Corrigir

Nesse sábado (17) o Departamento de Justiça dos Estados Unidos anunciou que Lisa Montgomery receberá uma injeção letal em 8 de dezembro. Em quase 70 anos, pela primeira vez os EUA executará uma mulher condenada no sistema penal federal.

Quem é Lisa Montgomery?

Em dezembro de 2004, Lisa Montgomery dirigiu do Estado do Kansas até a casa de Bobbie Jo Stinnett, no Missouri, para comprar um cachorro.

"Uma vez dentro da residência, Montgomery atacou e estrangulou Stinnett, que estava grávida de oito meses, até que a vítima perdeu a consciência", de acordo com um comunicado de imprensa do Departamento de Justiça.

"Usando uma faca de cozinha, Montgomery cortou o abdômen de Stinnett, trazendo-a de volta à consciência. Uma luta se seguiu e Montgomery estrangulou Stinnett até a morte", acrescenta.

Montgomery removeu o bebê do corpo de Stinnett e sequestrou. O corpo de Stinnett foi encontrado uma hora depois. Montgomery foi presa um dia depois do acontecimento.

Os advogados defendiam que ela tinha distúrbios mentais por conta de danos cerebrais sofridos devido a espancamentos durante a infância.

Em 2007, um júri a considerou culpada de sequestro e assassinato e propôs a pena de morte.

Bonnie Heady foi a última mulher a ser executada pelo governo dos Estados Unidos. Ela passou por uma câmara de gás no Missouri em 1953, de acordo com o Centro de Informações sobre Pena de Morte.

Com informações do G1

MAIS NOTÍCIAS

ADRIANO CONRADO
ART MÓVEIS
ROGÉRIO CALÇADOS
DIGA NÃO!
ELETRO CLIC
OLIDATA
FUNERÁRIA CAMAQUENSE
FUNERÁRIA BOM PASTOR
SUPER SÃO JOSÉ
RESTAURANTE COME COME
PADARIA ESTRELA
Tocando agora: Relembre bons momentos
Diminuir/Aumentar Fonte: Fonte: A - A +