Polícia

Polícia Civil e MP deflagram operação contra crimes ambientais em Camaquã

A operação, que ocorreu nesta segunda (19), contou com apoio da Secretaria Municipal do Meio Ambiente
19/10/2020 - 17h05min Corrigir

Na tarde desta segunda-feira (19), a Polícia Civil e o Ministério Público Estadual com o apoio da Secretaria Municipal do Meio Ambiente deflagraram a Operação Lotear, em Camaquã. A operação visou coibir os crimes descritos na Lei do Parcelamento de Solo Urbano.

Na ocasião, foi constatado um loteamento iniciado no bairro Hípico, que estava desrespeitando as diretrizes estabelecidas nas licenças administrativas, pois entrou em uma área de preservação permanente e derrubou árvores nativas.

O responsável legal da empresa loteadora responderá por crime ambiental, pelo artigo 50 da lei 6766/79, que prevê pena de até quatro anos.

Dirigiram a operação, a delegada de Polícia Regional de Camaquã, Carla Kuhn e a Promotora de Justiça Fabiane Rios. A operação também contou com dois agentes policiais, o assessor do Ministério Público, Roger Pommerening, e o Corpo Técnico da Secretaria Municipal de Meio Ambiente em duas viaturas.

MAIS NOTÍCIAS

FUNERÁRIA BOM PASTOR
DIGA NÃO!
PADARIA ESTRELA
SUPER SÃO JOSÉ
ART MÓVEIS
ADRIANO CONRADO
ROGÉRIO CALÇADOS
RESTAURANTE COME COME
ELETRO CLIC
FUNERÁRIA CAMAQUENSE
OLIDATA
Tocando agora: Relembre bons momentos
Diminuir/Aumentar Fonte: Fonte: A - A +