Geral

Governo do Estado propõe suspensão de festas de fim de ano e limite de horário para comércio e restaurantes

Eduardo Leite detalhou o pacote de medidas em live no final da tarde desta segunda-feira (30)
30/11/2020 - 18h08min Atualizada em 30/11/2020 - 19h15min Corrigir

Em reunião com a Famurs e os 27 prefeitos das associações de municípios, na tarde desta segunda-feira (30), o governador Eduardo Leite apresentou uma série de medidas restritivas para tentar conter o avanço da segunda onda da pandemia de coronavírus no Rio Grande do Sul. Também participaram do encontro o vice-governador Ranolfo Vieira Júnior, além da secretária estadual da Saúde, Arita Bergmann, e a coordenadora do Comitê de Dados, Leany Lemos.

Entre as propostas, está a suspensão das festas e eventos de final de ano, tanto os que são organizados pelas prefeituras quanto os particulares. Em âmbito privado, o governo sugere que as reuniões familiares e de amigos ocorram com até 10 pessoas, sem contar as crianças menores de 14 anos.

Outra alteração será a suspensão temporária do modelo de cogestão, hoje vigente para 18 das 21 regiões Covid e que permite adotar restrições mais leves do que as determinadas pelo Estado. Na prática, com o mecanismo suspenso, a bandeira vermelha passa a valer de forma integral.

Mais um ponto a ser destacado é a vedação à permanência em locais públicos sem controle de acesso (ruas, praias, praças) em municípios classificados em zona de alto risco epidemiológico.

O governador também propôs mudanças nos protocolos do Distanciamento Controlado com relação à bandeira vermalha, como a redução do horário de funcionamento do comércio até as 20 horas e de restaurantes até as 22 horas, mas sem limitar os dias da semana em que operam atualmente. Será permitido somente clientes sentados, com distância de 2 metros entre as mesas e grupos de até seis pessoas, sem música ao vivo ou ambiente que prejudique a comunicação.

O governo se comprometeu a realizar uma campanha de comunicação no intuito de conscientizar a população. Também será oferecido aos prefeitos o apoio da Brigada Militar para fiscalização.

Leite detalhou as novas medidas em live no final da tarde, na qual também divulgou o mapa definitivo da 30ª rodada do Distanciamento Controlado. Segundo o governador, as ações são de caráter emergencial, diante da gravidade do aumento dos números da covid-19, e devem ser adotadas mesmo que os prefeitos demonstrem contrariedade. As determinações serão válidas por duas semanas a partir da publicação do novo decreto.

Assista ao pronunciamento:

MAIS NOTÍCIAS

ELETRO CLIC
SUPER SÃO JOSÉ
ADRIANO CONRADO
OLIDATA
MÁRIO SERRALHEIRO
FUNERÁRIA BOM PASTOR
FUNERÁRIA CAMAQUENSE
RESTAURANTE COME COME
ART MÓVEIS
PADARIA ESTRELA
ROGÉRIO CALÇADOS
Mais Lidas
ELETRO CLICSUPER SÃO JOSÉADRIANO CONRADOOLIDATA
MÁRIO SERRALHEIROFUNERÁRIA BOM PASTORFUNERÁRIA CAMAQUENSERESTAURANTE COME COMEART MÓVEISPADARIA ESTRELAROGÉRIO CALÇADOS
Tocando agora: Relembre bons momentos
Diminuir/Aumentar Fonte: Fonte: A - A +