Geral

“Esse é o nosso objetivo: aproveitar bem o dinheiro público", diz prefeito sobre obras de pavimentação em Camaquã

Ivo de Lima Ferreira e Abner Dillmann visitaram a Rua Erlínio Assis, que é mais uma via sendo reperfilada na cidade
03/05/2021 - 16h31min Corrigir

O prefeito de Camaquã, Ivo de Lima Ferreira, juntamente com o vice-prefeito, Abner Dillmann, visitou as obras de reperfilagem da Rua Erlínio Assis, que acontecem desde a manhã desta segunda-feira (3). A via dá acesso a cinco bairros da cidade (Carvalho Bastos, Santa Bárbara, Loteamento das Flores, Ouro Verde e Cônego Walter), como também ao Distrito Industrial, sendo um trecho de intenso fluxo de veículos.

As equipes da Secretaria de Obras e Infraestrutura da prefeitura trabalham na colocação da primeira carga de massa asfáltica na pista. Neste momento, o trecho a ser reperfilado será de duas quadras, entre a Avenida José Loureiro da Silva e a Rua Sertão, na esquina da Arena LVD.

Leia também: Rua Erlínio Assis recebe serviço de reperfilagem em Camaquã

Segundo o executivo municipal, aproximadamente 380 metros serão pavimentados, com o trabalho dividido em quatro etapas, para proporcionar uma melhor trafegabilidade aos motoristas que acessam a via. A previsão de entrega da obra é para esta semana. O mesmo serviço foi feito anteriormente no começo da Rua Presidente Vargas e na Rua Hildebrando Pedroso. 

“Esse é o nosso objetivo: fazer aquilo que é mais necessário, aproveitar bem o dinheiro público. Nós soubemos da dificuldade que estamos passando e vamos passar financeiramente este ano, mas nós não podemos parar. Nós temos que buscar. E eu e o Abner, juntos, estamos buscando soluções. Vamos pavimentar essa aqui e depois nós vamos voltar pro centro, pra nós fazer (sic) os acostamentos e, também, em seguida, nós vamos começar a pavimentação da (Avenida) Loureiro da Silva”, disse Ivo.

Segundo o prefeito, ainda há o projeto de pavimentação com bloquetos, que abrange diversas vias da cidade. A meta da prefeitura é pavimentar entre cinco e seis ruas até o fim deste ano, inclusive nos bairros.

“Nós temos lá na Viégas ruas que estão com emendas parlamentares. Estamos ajustando projetos com a Caixa Federal e, assim que estiver pronto, nós vamos licitar para nós dar início (sic). Existe projetos de parceria que está andando. Ontem passamos lá na fábrica de bloquetos e tem bastante bloquetos prontos”, destacou.

O governo camaquense também está com uma frente de trabalho para a criação de uma ciclovia no Complexo Poliesportivo Rui de Castro Netto, a Prainha. De acordo com o executivo municipal, o projeto está em fase de finalização, com ajustes na parte da rede elétrica, para depois retomar com a pavimentação.

Entre o segundo semestre de 2019 e todo o ano de 2020, a prefeitura entregou mais de 110 mil metros de ruas pavimentadas. Conforme Ivo e Abner, muito disso ocorreu por conta da instalação da usina de asfalto no município e, também, ao empenho em buscar subsídios.

“Nós estamos na busca de recursos diretamente em contato com deputados de diversos partidos. A gente tá aqui para desenvolver Camaquã, não olhando partido, mas olhando um foco, que é o desenvolvimento, trabalhar muito forte em cima das ruas. Nós sabemos da importância dos bairros e o quanto podemos avançar e queremos isso. Então, esse é o nosso olhar”, destacou Dillmann.  

Assista: 

MAIS NOTÍCIAS

MÁRIO SERRALHEIRO
SUPER SÃO JOSÉ
ART MÓVEIS
ANUNCIE AQUI
FUNERÁRIA CAMAQUENSE
ROGÉRIO CALÇADOS
FUNERÁRIA BOM PASTOR
OLIDATA
ELETRO CLIC
Tocando agora: Relembre bons momentos
Diminuir/Aumentar Fonte: Fonte: A - A +
*/ ?>