Política

Governador Eduardo Leite confirma asfalto para Cerro Grande do Sul

Previsão de entrega da obra é para depois de 2022; outros projetos de asfaltamento foram apresentados e devem abranger Amaral Ferrador, Barão do Triunfo e Mariana Pimentel
09/06/2021 - 18h02min Corrigir

O governador Eduardo Leite confirmou que serão retomadas as obras de asfaltamento da ERS-715, em Cerro Grande do Sul. O anúncio foi feito durante lançamento do programa Avançar, ocorrido na tarde desta quarta-feira (9), no Palácio Piratini.   

Para a execução dos trabalhos, serão destinados R$ 15 milhões ao município. A ordem de serviço será dada em breve. O projeto ainda precisa passar por alguns ajustes para atender a demanda atual, já que a proposta teve início no final da década de 1980. As obras estão paradas desde a antiga gestão municipal. A rodovia liga Cerro Grande do Sul e Sentinela do Sul à BR-116.

Novos projetos técnicos de pavimentação asfáltica também estão sendo elaborados e devem abranger os municípios de Amaral Ferrador, Mariana Pimentel e Barão do Triunfo. No entanto, estão previstas num primeiro momento apenas a atualização dos projetos e regularização de licenças, sem previsão para o início das obras nestes municípios.

Durante os últimos anos, um grupo chamado “ERS-715 – Asfalto Já” buscou junto ao Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer) e outros órgãos competentes do Estado a readequação do projeto. Lideranças políticas e comunitárias da região encabeçaram o movimento.

O deputado estadual Marcus Vinícius de Almeida (Progressistas) foi um dos que liderou a frente parlamentar que esteve articulando com o governo estadual durante os últimos dois meses para acelerar o processo de aprovação do projeto.

O deputado destacou a situação de Cerro Grande do Sul dentre os municípios sem acesso asfálticos. Almeida salientou que até então Cerro Grande do Sul possuía maior população, maior frota emplacada, maior geração de ICMS e está há mais tempo emancipado, mas que ainda convive com uma rodovia sem pavimentação.

Na semana passada, o parlamentar se reuniu com o governador, junto dos deputados Zé Nunes (PT) e Edson Brum (MDB), para reforçar o pedido de inclusão da rodovia no novo programa de estadual de obras. A previsão de conclusão do asfatamento da ERS-715 é para depois de 2022. 

Abre Tab1

O programa Avançar está dividido em três eixos e prevê o investimento de 5,2 bilhões nos próximos cinco anos, devendo contar com recursos provenientes de concessões à iniciativa privada, estimado em R$ 3,9 bilhões.

Já as ações imediatas elencadas no plano incluem acessos asfálticos, ligações regionais e recuperação de rodovias deverão ser custeadas com recursos próprios do Estado, resultantes do programa de ajuste de despesas e das privatizações. O montante investido será de R$ 1,3 bilhões até dezembro de 2022.

Abre Tab3

MAIS NOTÍCIAS

FUNERÁRIA BOM PASTOR
ROGÉRIO CALÇADOS
MÁRIO SERRALHEIRO
ANUNCIE AQUI
OLIDATA
FUNERÁRIA CAMAQUENSE
ELETRO CLIC
ART MÓVEIS
SUPER SÃO JOSÉ
Tocando agora: Relembre bons momentos