Justiça

Pastor suspeito de estuprar fiéis em Camaquã é posto em liberdade, mas não pode deixar a cidade

Segundo a defesa, ele alega inocência e diz estar sendo vítima de um plano para ser afastado do comando da igreja
25/08/2021 - 09h32min Corrigir

Após determinação do Tribunal de Justiça (TJ) do Rio Grande do Sul, o pastor suspeito de abusar sexualmente de quatro fiéis foi posto em liberdade. O homem, de 43 anos, havia sido preso no dia 12 de agosto em sua residência, no bairro Floresta, onde a Polícia Civil também cumpriu um mandado de busca e apreensão.

Inscreva-se em nosso novo canal do YouTube ACESSE AQUI!

A defesa do suspeito ingressou com pedido de habeas corpus, que foi concedido pela 5ª Câmara Criminal do TJ no final da segunda-feira (23). Ele estava preso na Penitenciária Estadual de Canguçu.

No entanto, a Justiça determinou diversas medidas cautelares que devem ser cumpridas pelo investigado. Uma delas proíbe que o religioso deixe a cidade, assim como frequente a igreja em que era pastor ou tenha contato com as vítimas. Além disso, ele deve se manter recluso em casa no período noturno e em dias de folga.

Segundo a investigação, os abusos sexuais teriam ocorrido entre maio e junho deste ano, durante suposta “campanha de oração” promovida pelo religioso. As vítimas eram atraídas para uma sala reservada, onde teriam sido estupradas.

A delegada Vivian Sander Duarte, responsável pela apuração do caso, afirmou que as denúncias coincidiram pelo modo como as mulheres teriam sido violentadas. Todas relataram que o pastor passava a mão nos seios e na região genital delas, e que ele suava algumas vezes e demonstrava prazer com o ato. Foi, então, que elas perceberam os abusos. Mais ninguém da congregação foi denunciado pelas vítimas. O celular do investigado foi apreendido para colaborar na investigação. 

O inquérito policial ainda está em fase de conclusão e a defesa do suspeito alega a inocência do religioso. Ele afirmou que está sendo vítima de um plano para ser retirado do comando da igreja. A informação foi concedida à reportagem da GZH.  

Para receber as notícias gratuitamente e em tempo real participe do nosso grupo de WhatsApp, acessando aqui!

MAIS NOTÍCIAS

SUPER SÃO JOSÉ
PIX
FUNERÁRIA CAMAQUENSE
ART MÓVEIS
FUNERÁRIA BOM PASTOR
ELETRO CLIC
KNN IDIOMAS
MÁRIO SERRALHEIRO
CÂMERAS EXTERNAS
OLIDATA