Mundo

EUA: promotores federais não vão acusar policial que atirou em Jacob Blake

O oficial Rusten Sheskey atirou em Jacob Blake em agosto de 2020, deixando-o pai paralisado da cintura para baixo
09/10/2021 - 10h34min Corrigir

Os promotores federais não irão abrir acusações contra Rusten Sheskey, o policial de Kenosha, Wisconsin, que atirou em Jacob Blake no verão passado.

Inscreva-se em nosso novo canal do YouTube ACESSE AQUI!

Blake, que é negro, foi hospitalizado em 23 de agosto depois que Sheskey, um policial branco do Departamento de Polícia de Kenosha, atirou nele várias vezes nas costas enquanto respondia ao que as autoridades disseram ser um distúrbio doméstico. Seus filhos estavam no carro e testemunharam o tiroteio.

Blake, 30, acabou passando seis semanas no hospital e ficou paralisado da cintura para baixo.

Seis meses depois que o Departamento de Polícia de Kenosha disse que Sheskey não seria disciplinado, os promotores federais anunciaram nessa sexta-feira (8) que ele também não enfrentaria acusações.

People News

Para receber as notícias gratuitamente e em tempo real participe do nosso grupo de WhatsApp, acessando aqui! Ou participe do nosso grupo no Telegram clicando aqui!

MAIS NOTÍCIAS

CÂMERAS EXTERNAS
PIX
ELETRO CLIC
MÁRIO SERRALHEIRO
FUNERÁRIA CAMAQUENSE
FUNERÁRIA BOM PASTOR
SUPER SÃO JOSÉ
KNN IDIOMAS
ART MÓVEIS
DR. JOÃO BATISTA
OLIDATA