Rural

Agricultura Urbana possibilita produção de alimentos de maneira sustentável

Projeto executado em Minas do Leão incentiva produção em hortas domésticas, escolares e comunitárias
20/05/2022 - 16h03min Ascom Emater Corrigir

No município de Minas do Leão, cerca de 95% da população vive no meio urbano. Nesse contexto, aliado à disponibilidade de espaço ocioso em pátios das residências, a agricultura urbana tem enorme potencial de expansão e desenvolvimento. A Emater atua junto à população estimulando essa atividade uma vez que o agricultor urbano produz para o autoconsumo (o que contribui para a soberania e segurança alimentar) e pode vender o excedente gerando alguma renda o que repercute em ganhos e pode contribuir ainda para a pluriatividade no meio urbano ou rural.

A agricultura urbana já é respaldada por uma política nacional que tem como objetivos ampliar a segurança alimentar e nutricional das populações urbanas vulneráveis, propiciar a ocupação de espaços urbanos ociosos, gerar alternativa de renda e atividade ocupacional à população urbana e articular a produção de alimentos nas cidades com os programas institucionais de alimentação em escolas, creches, hospitais, asilos, restaurantes populares, estabelecimentos penais e outros.

No Rio Grande do Sul existe a lei nº15.222, de 28 de agosto de 2018, que institui a Política Estadual de Agricultura Urbana e Periurbana, incentivada pela Emater nos municípios e colocada em prática pela instituição em Minas do Leão.

Inscreva-se em nosso novo canal do YouTube ACESSE AQUI!

A Agricultura Urbana, segundo o extensionista da Emater no em Minas do Leão, Edar Ferrari, possibilita a produção de alimentos de maneira orgânica e agroecológica e traz inúmeros benefícios para a sociedade. Dentre esses benefícios destacam-se o acesso a alimentos limpos e saudáveis, a redução de desperdício pelo aproveitamento dos resíduos dos alimentos para fabricação de composto que atua como fertilizante natural de maneira fácil e econômica, atividade terapêutica e ocupacional, contribuição para segurança alimentar e possibilidade de renda extra, através da comercialização do excedente de produção.

A sociedade cada vez mais valoriza o consumo de alimentos saudáveis, e a agricultura urbana possibilita acesso facilitado a esses alimentos, pela proximidade da produção com o mercado consumidor.

Ao mesmo tempo, não é necessário muito espaço para produção de plantas bioativas, condimentares e aromáticas e para isto podem ser utilizadas hortas suspensas e aproveitadas garrafas pet vazias, contribuindo para a preservação do meio ambiente.

Além do incentivo à produção em hortas domésticas, escolares e comunitárias, em Minas do Leão, o consumo direto dos agricultores também é fomentado pela Emater, que apoia a realização, todas as quintas-feiras pela manhã, da Feira Municipal de Hortifrutigranjeiros, na Praça Central Ari Luz. “Trata-se de uma feira que está se consolidando à medida que a população adquire o hábito de frequentar e adquirir os produtos ofertados”, ressalta Ferrari.

Para mais informações sobre como iniciar uma horta urbana ou como participar da Feira como expositor, procurar o Escritório Municipal da Emater de Minas do Leão, que está localizado na Av. Getúlio Vargas, 2066 ou pelo telefone (51) 99689-1034. Se você é de outro município, procure a Emater local.

Para receber as notícias gratuitamente e em tempo real participe do nosso grupo de WhatsApp, clicando aqui!

Ou participe do nosso grupo no Telegram clicando aqui!

Ouça AQUI a web rádio do Blog do Juares!

Siga o Blog do Juares no Google News e recebe notificações das últimas notícias em seu celular, acessando aqui!

MAIS NOTÍCIAS

TBK INTERNET
Borgte Consórcios
SUPER SÃO JOSÉ
ART MÓVEIS
LEDEJAR
FUNERÁRIA CONCÓRDIA
CÂMERAS
FUNERÁRIA CAMAQUENSE
Mais Lidas
TBK INTERNETBorgte ConsórciosSUPER SÃO JOSÉART MÓVEISLEDEJARFUNERÁRIA CONCÓRDIACÂMERAS
FUNERÁRIA CAMAQUENSEIDEALPLASTGRÁFICA.COM
Ouça a BJ Rádio Web

Está claro demais aqui? O Blog do juares agora conta com o modo escuro. Aperte na lâmpada e apague a luz!