Saúde

Técnico de enfermagem camaquense é indicado para receber importante prêmio nacional da categoria

William Duarte de Medeiros, de 23 anos, tem passagens pelo HNSA e UPA do município
28/06/2022 - 16h57min Secom Coren-RS / Edição: Redação BJ News Corrigir

O Conselho Regional de Enfermagem do Rio Grande do Sul (Coren-RS) indicou o técnico de enfermagem William Duarte de Medeiros para receber o Prêmio Anna Nery. A escolha ocorreu na 466ª Reunião Ordinária do Plenário (ROP) do Conselho, ocorrida no dia 27 de maio.

A entrega do Prêmio Anna Nery, concedido a profissionais de Enfermagem com uma trajetória relevante para o fortalecimento da categoria no país, ocorre dentro do Congresso Brasileiro dos Conselhos de Enfermagem (CBCENF). Neste ano, a 24ª edição do congresso ocorrerá em Fortaleza (CE), de 12 a 15 de setembro.

“Sinto que nasci pra trabalhar na área da saúde”

William tem 23 anos, é natural de Camaquã e vem de uma família de agricultores. Até os 15 anos, morou na zona rural da cidade, depois se mudou para a parte urbana.

Por volta dessa mesma idade,  sofreu um grave acidente de moto, no qual teve várias fraturas e precisou ficar internado no hospital para fazer uma cirurgia. William conta que ficou tão admirado com o atendimento e a forma de trabalhar dos profissionais de Enfermagem que colocou a área da saúde como uma opção para seu futuro. Então, após concluir o Ensino Médio, iniciou o curso técnico em Enfermagem - e não foi amor à primeira vista, não. “No começo, confesso que o curso não me despertava grande interesse. Mas, com o tempo, fiquei apaixonado. Me formei no final de 2019”, conta.

Em março de 2020, início da pandemia de covid-19 no Brasil, começou a trabalhar na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Camaquã. Em julho, ingressou no Hospital Nossa Senhora Aparecida (HNSA). William enfrentou jornada dupla (hospital à tarde e UPA à noite) até dezembro. “Então, no fim de 2020, pedi desligamento da UPA e fiquei trabalhando só no hospital. 2021 foi um ano de aprendizados. Trabalho no bloco B [internação adulta clínica SUS] e, com a superlotação da UTI, começamos a receber pacientes intubados com covid-19 e tivemos que aprender com a situação”, relembra.

William 
passou por um episódio marcante em março de 2021. Ele e um colega se recusaram a administrar cloroquina via nebulização para pacientes com covid-19 - a prescrição foi feita pela médica Eliane Scherer (vale ressaltar que o medicamento não tem eficácia comprovada). William mostrou conhecimento e posicionamento firme e protetivo aopacientes, usando o Código de Ética dos Profissionais da Enfermagem para se respaldar quando ameaçado.

Ainda em 2021, ele começou a cursar a graduação em Enfermagem. William está no quarto semestre. Hoje, ele não se imagina fora da Enfermagem: “Não me vejo trabalhando em outra profissão, sinto que nasci pra trabalhar na área da saúde”.

E como o William se define, para além da Enfermagem? “Por onde ando, coleciono amigos. Sou muito brincalhão, me dou bem com os colegas da equipe e faço amizade com os pacientes com muita facilidade”, sentencia.

Inscreva-se em nosso novo canal do YouTube ACESSE AQUI!

Para receber as notícias gratuitamente e em tempo real participe do nosso grupo de WhatsApp, clicando aqui!

Ou participe do nosso grupo no Telegram clicando aqui!

Ouça AQUI a web rádio do Blog do Juares!

Siga o Blog do Juares no Google News e recebe notificações das últimas notícias em seu celular, acessando aqui!

MAIS NOTÍCIAS

IDEALPLAST
RENOCAR
FUNERÁRIA CAMAQUENSE
GRÁFICA.COM
TBK INTERNET
FUNERÁRIA CONCÓRDIA
LEDEJAR
Borgte Consórcios VEÍCULOS
CÂMERAS
Mais Lidas
IDEALPLASTRENOCARFUNERÁRIA CAMAQUENSEGRÁFICA.COMTBK INTERNETFUNERÁRIA CONCÓRDIALEDEJARBorgte Consórcios VEÍCULOSCÂMERAS
FUNERÁRIA BOM PASTOR