Saúde

Confira cinco dicas para fugir das doenças respiratórias comuns no inverno

Médica explica como pequenos atos podem ajudar a evitar doenças e respirar melhor
20/07/2021 - 15h37min Care Plus Corrigir

Com a chegada do inverno, alguns hábitos passam a fazer parte da vida das pessoas: ficam mais reclusas, em ambientes fechados, utilizam mais agasalhos e cobertores dentro de casa e tendem a fazer menos exercícios. Esses hábitos podem desencadear diversos problemas de saúde, ocasionados pela oscilação climática combinada a outros fatores. Tempo seco, baixa umidade, falta de sol e atividades ao ar livre se tornam grandes agravantes para doenças respiratórias, como sinusite, rinite, asma, gripes, resfriados e coriza. Martha L. Sulzbach Sallum, médica da Care Plus, reuniu cinco dicas importantes para evitar essas doenças, manter o bem-estar nos dias gelados e respirar melhor, mesmo para quem já possui histórico de alergias.

Inscreva-se em nosso novo canal do YouTube... ACESSE AQUI

Mantenha-se hidratado

Apesar do clima sugerir o consumo de chá, chocolate quente e café, é importante ficar atento ao consumo de água. As bebidas açucaradas podem ter alta quantidade de calorias, o que colabora no ganho de peso. Nos dias mais secos, além da hidratação pela boca é importante deixar o ambiente umidificado pois evita o ressecamento de mucosas como a do nariz.

Janelas abertas

Com o vento gelado dos dias invernais, é bastante comum que as famílias prefiram deixar as janelas fechadas. Para evitar a proliferação de doenças, essa prática deve ser evitada, já que a circulação do ar deve ser frequente durante todo o dia, principalmente quando existe a passagem de pessoas na mesma área ou cômodo. Locais fechados e com pouca circulação de ar também são mais propícios para a contaminação com o Coronavírus, além de outros vírus, como o da gripe.

Roupas e cobertores no sol

Mantenha a higiene frequente de casacos, cobertores e mantas. A exposição ao sol destes itens ajuda na limpeza, pois evita a manutenção da umidade que pode colaborar para a proliferação de fungos. Para pessoas com histórico de alergias, bichos de pelúcia, carpetes e tapetes devem ser evitados.

Higiene das mãos e nariz

Durante todo o ano, a higiene das mãos deve ser frequente, de preferência com água e sabão, após contato com superfícies, espirrar ou tossir, antes de tocar o rosto ou se houver sujidades. Se não for possível lavar as mãos, pode ser utilizado o álcool em gel 70%. Este cuidado deve ser reforçado no inverno, pois há um aumento no número de casos de infecções virais que são transmitidas por contato. A lavagem nasal com soro fisiológico também é uma opção saudável de higiene, pois ajuda na umidificação da mucosa e evita acúmulo de secreções.

Alimentação saudável

Durante o clima frio, é essencial manter hábitos saudáveis de alimentação, com o consumo frequente de frutas, legumes e verduras, que podem ser preparadas de diferentes formas, como sopas, assados ou cozidos, para ajudar no aquecimento durante as baixas temperaturas. Uma alimentação balanceada associada a atividade física e sono adequado ajudam na manutenção do equilíbrio do sistema imunológico, e só traz benefícios para o funcionamento de todo o corpo.

MAIS NOTÍCIAS

MÁRIO SERRALHEIRO
FUNERÁRIA BOM PASTOR
ART MÓVEIS
OLIDATA
ELETRO CLIC
ANUNCIE AQUI
FUNERÁRIA CAMAQUENSE
SUPER SÃO JOSÉ
Tocando agora: Relembre bons momentos