Saúde

SES recebe visita do Ministério da Saúde e Fiocruz para enfrentamento à dengue

A doença já causou 29 mortes e quase 20 mil casos no RS neste ano
17/05/2022 - 15h01min SES / Edição: Blog do Juares Corrigir

A Secretaria da Saúde (SES) recebeu, nesta semana, a visita de representantes do Ministério da Saúde e da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) para tratar do combate à dengue. A doença já causou neste ano 29 mortes e quase 20 mil casos contraídos dentro do RS (chamados de autóctones).

A visita técnica busca alinhar ações e trocar experiências entre os diferentes níveis de gestão. Os encontros começaram nesta segunda-feira (16) e vão até quarta-feira (18). Nesta terça (17) o grupo participou da reunião do Centro de Operações de Emergências (COE) de Arboviroses, que são doenças transmitidas por insetos.

Abrindo a reunião, a secretária Arita Bergmann deu as boas-vindas aos visitantes e destacou a importância do alinhamento entre os governos federal, estadual e municipal. Ao grupo, a área técnica do Centro Estadual de Vigilância em Saúde (Cevs) fez uma apresentação do cenário epidemiológico da dengue assim como as estratégias de controle e monitoramento. O panorama no Estado que foi exposto detalhou a evolução da doença no ano, e as regiões que apresentam níveis de alerta e risco de transmissão maiores.

Inscreva-se em nosso novo canal do YouTube ACESSE AQUI!

Por parte da Fiocruz, o médico infectologista Rivaldo Venâncio, da Coordenação de Vigilância em Saúde e Laboratórios de Referência, falou do papel da saúde e sociedade no enfrentamento da doença. “É de responsabilidade da saúde trabalhar para evitar mortes e atender quem adoece, porém, evitar uma epidemia está fora da governabilidade da saúde exclusivamente”, comentou. “Para isso, é necessário um trabalho de toda a sociedade”, completou ele, acrescentando que muitos focos de larvas do mosquito Aedes aegypti (o transmissor da doença) são encontrados em objetos domésticos dentro dos pátios ou até dentro de casa.

Representando a Coordenação-Geral de Vigilância de Arboviroses do Ministério da Saúde, Pablo Fontoura, ressaltou também a necessidade de ações permanentes de combate ao mosquito. “Temos que desmistificar que a dengue é uma doença sazonal. Teremos sim épocas de aumento nos casos em períodos de maior calor e chuvas e diminuição no frio”, disse. “Mas o trabalho de prevenção precisa acontecer durante todo o ano, até para que possamos chegar nesses períodos de maior transmissibilidade melhor preparados”, avaliou.

Após a reunião desta terça-feira, os representantes do Ministério e Fiocruz seguiram para agendas com eixos específicos com as áreas das vigilâncias ambiental e epidemiológica e com o Departamento de Atenção Primária e Políticas de Saúde e outros setores da assistência da SES.

Para receber as notícias gratuitamente e em tempo real participe do nosso grupo de WhatsApp, clicando aqui!

Ou participe do nosso grupo no Telegram clicando aqui!

Ouça AQUI a web rádio do Blog do Juares!

Siga o Blog do Juares no Google News e recebe notificações das últimas notícias em seu celular, acessando aqui!

MAIS NOTÍCIAS

TBK INTERNET
GRÁFICA.COM
CÂMERAS
IDEALPLAST
LEDEJAR
BORGTE CONSÓRCIOS
FUNERÁRIA CAMAQUENSE
FUNERÁRIA CONCÓRDIA
ART MÓVEIS
Mais Lidas
TBK INTERNETGRÁFICA.COMCÂMERASIDEALPLASTLEDEJARBORGTE CONSÓRCIOSFUNERÁRIA CAMAQUENSEFUNERÁRIA CONCÓRDIAART MÓVEIS
SUPER SÃO JOSÉ
Ouça a BJ Rádio Web

Está claro demais aqui? O Blog do juares agora conta com o modo escuro. Aperte na lâmpada e apague a luz!