Tecnologia

Gaúcho é chamado pela Unesco para ajudar a criar lei sobre ética na Inteligência Artificial

Prestes também integra o Painel de Alto Nível da ONU sobre Cooperação Digital
23/04/2020 - 14h32min Jornal do Comércio Corrigir
O professor da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Edson Prestes, foi convidado a fazer parte de um grupo de especialistas da Unesco que irá preparar o texto preliminar de uma recomendação sobre a ética da Inteligência Artificial (IA).
São 24 membros, de diferentes lugares do mundo – ele é o único brasileiro – e a expectativa é gerar um instrumento normativo que traduza o consenso ético em torno desta tecnologia. Ou seja, uma legislação sobre a ética no uso de Inteligência Artificial que possa ser adotada pelos Estados-Membros da Unesco no final de 2021.
 
A primeira sessão de reuniões, que aconteceria em Paris, está sendo realizada essa semana via videoconferência, em função da Covid-19. “Fiquei extremamente honrado com esse convite da Unesco. A minha expectativa é poder contribuir com a minha experiência para esse estudo, que pode impactar enormemente a maneira como as pessoas pensam, desenvolvem e distribuem soluções de Inteligência Artificial”, comenta. Para ele, é importante ter um representante do Brasil e, consequentemente, da América Latina para garantir que a discussão de temas tão estratégicos não fique restrita aos Estados Unidos e Europa. “Precisamos expressar a nossa visão e mostrar que temos referências socioculturais que devem ser levadas em consideração na elaboração de diretrizes nessa área”, complementa. Prestes também integrar o Painel de Alto Nível da ONU sobre Cooperação Digital.
 
Ao longo do ano, ocorrerão outras reuniões dos membros e etapas regionais. “A Inteligência Artificial é mais do que um ponto de virada técnico, é uma disrupção tecnológica que está testando os limites da humanidade. Ao entrarmos nesta nova era, devemos garantir que não sacrificaremos os nossos valores e que não falharemos em considerar as questões que essa transformação traz”, diz a diretora geral da Unesco, Audrey Azoulay, na carta convite recebida por Prestes.

MAIS NOTÍCIAS

FUNERÁRIA CONCÓRDIA
LAVAGEM FERNANDES
RÁDIO SÃO JOSÉ
ELETRO CLIC
GRUPO WHATSAPP
Petroman
ART MÓVEIS
FUNERÁRIA CAMAQUENSE
FUNERÁRIA BOM PASTOR
SUPER SÃO JOSÉ
OLIDATA
ADRIANO CONRADO
ROGÉRIO CALÇADOS
SKY INFOPARTNERS
Tocando agora: Relembre bons momentos
Diminuir/Aumentar Fonte: Fonte: A - A +