Mundo

Após fazer transferência errada, Citigroup pode perder US$ 500 milhões

Em agosto do ano passado, banco enviou de forma acidental recursos para credores da empresa de cosmético Revlon
18/02/2021 - 07h50min Corrigir

O Citigroup (empresa do ramo de serviços financeiros), foi impedido de recuperar US$ 500 milhões (cerca de R$ 2,7 bilhões) que foram transferidos de forma acidental. O dinheiro foi transferido para credores da empresa de cosmético Revlon.

A decisão foi tomada pela justiça dos Estados Unidos nessa terça-feira (16), pelo juiz Jesse Furman, de Nova York. O banco informou que vai recorrer a decisão.

Em vez de fazer o pagamento de juros do empréstimo da Revlon, o Citibank pagou o total da dívida de US$ 900 milhões em agosto do ano passado com recursos do seu próprio caixa.

Ao todo, 10 gestoras receberam o dinheiro. Algumas devolveram os valores recebidos na transferência.

Na decisão de 101 páginas, Furman apontou que, no momento da transferência dos US$ 900 milhões, não houve "um aviso construtivo" do Citibank de que a transferência foi feita de forma equivocada.

A decisão da justiça dos EUA teve como base um caso registrado em 1991 entre o Banque Worms e o BankAmerica International, de acordo com a agência Bloomberg.

Com informações do G1

MAIS NOTÍCIAS

MÁRIO SERRALHEIRO
ADRIANO CONRADO
ROGÉRIO CALÇADOS
ELETRO CLIC
FUNERÁRIA CAMAQUENSE
ART MÓVEIS
FUNERÁRIA BOM PASTOR
OLIDATA
SUPER SÃO JOSÉ
Tocando agora: Relembre bons momentos
Diminuir/Aumentar Fonte: Fonte: A - A +
*/ ?>