Educação

Mais de 23 mil alunos da educação básica retornaram à escola em 2022 no RS

O dado é resultado de um levantamento realizado pelo Ministério Público, por meio do Centro de Apoio Operacional da Infância, Juventude, Educação, Família e Sucessões
04/07/2022 - 16h15min MP-RS / Edição: Redação BJ News Corrigir

Em 2022, pelo menos 23.027 estudantes da educação básica retornaram à escola a partir dos processos para a busca ativa escolar. O dado é resultado de um levantamento realizado pelo Ministério Público do Rio Grande do Sul (MP-RS), por meio do Centro de Apoio Operacional da Infância, Juventude, Educação, Família e Sucessões, entre os dias 30 de março e 6 de abril, em mais uma ação resultante do Acordo de Cooperação Interinstitucional para fins da Busca Ativa Escolar e da Recuperação de Aprendizagens no Contexto da Pandemia da Covid-19, assinado em fevereiro.

O acordo tem como objetivo promover estratégias de busca ativa escolar junto à rede intersetorial, envolvendo as políticas públicas da educação, saúde, assistência social e de proteção à infância, à adolescência e à juventude, bem como todas que tenham correlação com as necessidades sociais identificadas por meio de diagnóstico da realidade com o motivo da infrequência ou evasão.

O levantamento, respondido em formulário digital por 473 municípios e 30 Coordenadorias Regionais da Educação (CREs), com dados compilados segundo seu território correspondente às Promotorias Regionais da Educação do MPRS, aponta que, em 2022, o número de matrículas na rede estadual teve um acréscimo de 3,41% em relação a 2021, sendo 722.081 informados pelas CREs (790.393 alunos são informados pela Secretaria Estadual da Educação). Já na rede municipal, o número se manteve estável, com queda de 1.186 alunos, cerca de 1%.

Inscreva-se em nosso novo canal do YouTube ACESSE AQUI!

No que se refere ao diagnóstico de aprendizagens, compreendendo o período de pandemia, o levantamento mostra que 12,37% (104.519) dos alunos da rede municipal e 20,50% (148.065) dos alunos da rede estadual necessitam de recuperação de aprendizagens.

A sondagem também estima que pelo menos 15.926 alunos das redes municipal e estadual estão fora da escola, mas 38% da rede municipal e 41% da rede estadual não possuem essa estimativa, muitos com a justificativa de serem de pequeno porte e não precisarem de tal ação.

A coordenadora do Centro de Apoio Operacional da Infância, Juventude, Educação, Família e Sucessões, Luciana Cano Casarotto, destaca que a coleta de dados realizada tem como objetivo abastecer o comitê gestor do acordo busca ativa e os promotores de Justiça que atuam na área a partir de aproximação com a realidade.

“A ideia, a partir desses dados coletados, é que possam ser articuladas políticas públicas mais efetivas para cada realidade, em cada região, uma vez que não há resposta única para uma situação tão complexa quanto o abandono escolar no cenário pós-pandêmico. Os resultados regionais já foram apresentados em todas as regiões, com um total de 2.355 pessoas presentes em 12 reuniões. Está sendo estruturado evento estadual na sede do MPRS para o segundo semestre, momento em que serão valorizadas as ações e esforços empreendidos pelos gestores, com as experiências consideradas interessantes e que possam ser replicadas por outras redes escolares”, explica a promotora.

Clique aqui para acessar outros dados do levantamento realizado pelo MP-RS.

Para receber as notícias gratuitamente e em tempo real participe do nosso grupo de WhatsApp, clicando aqui!

Ou participe do nosso grupo no Telegram clicando aqui!

Ouça AQUI a web rádio do Blog do Juares!

Siga o Blog do Juares no Google News e recebe notificações das últimas notícias em seu celular, acessando aqui!

MAIS NOTÍCIAS

FUNERÁRIA BOM PASTOR
FUNERÁRIA CONCÓRDIA
LEDEJAR
GRÁFICA.COM
IDEALPLAST
CÂMERAS
Borgte Consórcios VEÍCULOS
TBK INTERNET
FUNERÁRIA CAMAQUENSE
Mais Lidas
FUNERÁRIA BOM PASTORFUNERÁRIA CONCÓRDIALEDEJARGRÁFICA.COM
IDEALPLASTCÂMERASBorgte Consórcios VEÍCULOSTBK INTERNETFUNERÁRIA CAMAQUENSE